03/08/09

iPod explosivo


De acordo com o TVI24 a Apple tentou manter em segredo a explosão de um iPod.

Uma família britânica acusa a Apple de tentar silenciar um caso de explosão de um iPod. a Apple terá proposto um acordo de confidencialidade para manter em segredo a explosão do iPod comprado para uma menina de 11 anos.

A notícia é avançada pelo jornal «Daily Mail». A proposta, de acordo com a família, foi feita depois de terem entrado em contacto com o fabricante e a loja «Argos» e exigido um reembolso de 162 libras (cerca de 187 euros) pelo aparelho.

O pedido remonta ao dia em que Ken Stanborough ouviu o iPod emitir um barulho estranho, uma espécie de assobio e o atirou pela porta de trás da casa. «Senti que ele estava a ficar quente e achei que estava a sair vapor», contou. «Em 30 segundos ouvi um estalo, vi fumo e o iPod voou cerca de três metros», acrescentou o pai de Ellie, de 11 anos, a quem foi oferecido o aparelho.

Stanborough entrou em contacto com as empresas para ser reembolsado. Após uma conversa com um executivo da Apple, recebeu uma carta em que a companhia negava a responsabilidade pelo ocorrido e em que oferecia o reembolso.

A carta dizia também que se Ken Stanborough aceitasse o dinheiro teria de aceitar em «manter confidenciais os termos e existência do acordo». Se tal não fosse cumprido, a Apple podia processá-lo. «Considerei a carta perturbadora», afirmou o pai da menina, que se recusou a fazer o acordo.

«Não podíamos contar nada a ninguém. Se, por acaso, disséssemos algo sobre o caso, seríamos processados. É espantoso. Não pedimos uma recompensa, só queríamos nosso dinheiro de volta», disse Stanborough.


Once you go Mac, you never go back!

Sem comentários:

Enviar um comentário

search: